Voltar para o início


 

Reunião Setorial no TRT 22 aprova repúdio ao reajuste de 5% proposto pelo governo

Os servidores e servidoras do TRT 22º Região aprovaram repúdio aos 5% de reajuste salarial proposto pelo governo ao funcionalismo público. A reunião setorial, que foi convocada pelo Sintrajufe Piauí, ocorreu no espaço Ecumênico do Tribunal, localizado no 10º andar, nesta quinta-feira (12). Além da pauta do reajuste, os presentes discutiram sobre a incorporação dos […]

quinta-feira 12 maio 2022 às 16:34

Servidores aprovam repúdio aos 5% orientados pelo governo

Os servidores e servidoras do TRT 22º Região aprovaram repúdio aos 5% de reajuste salarial proposto pelo governo ao funcionalismo público. A reunião setorial, que foi convocada pelo Sintrajufe Piauí, ocorreu no espaço Ecumênico do Tribunal, localizado no 10º andar, nesta quinta-feira (12). Além da pauta do reajuste, os presentes discutiram sobre a incorporação dos quintos(VPNI).

Na ocasião, os servidores e servidoras confirmaram a participação na Assembleia Geral Virtual, a ser realizada na sexta-feira (13), às 15h30, via plataforma Zoom.

Durante a reunião, o Diretor de Formação e Política Sindical, Pedro Laurentino, avaliou a reunião e destacou que a proposta do governo não representa a real reposição que os servidores públicos têm direito.

“A reunião foi muito boa, mais de 20 servidores participaram, após termos também passado em sala no Tribunal. Isso mostrou que há uma receptividade na categoria para discutir as pautas do movimento pela reposição salarial. Nós aprovamos repúdio aos de 5% que o governo apresentou. Essa proposta não nos representa e a nossa luta é pelos 19, 99%. Inclusive, vamos fortalecer a campanha geral dos servidores públicos do Brasil”, pontou.

O coordenador do setor de Gestão de Pessoas do TRT 22, João Batista, esteve presente na reunião e esclareceu as dúvidas dos servidores sobre a VPNI. A respeito da pauta dos quintos, Pedro Laurentino destacou que caso o reajuste de 5% seja aprovado, o valor não será sentido por parte dos servidores que possuem a incorporação.

“Mesmo se os 5% forem aprovados, há muitos servidores que terão seus salários absorvidos pela VPNI, a incorporação dos quintos feita após 98. Ou seja, o reajuste será zero. Nesse sentido, se for aprovado os 5%, esses servidores, incluindo eu, não receberão reajuste algum. Para não fazer nenhum acordo com migalhas, que é o estão nos oferecendo, precisamos levantar a bandeira dos 19, 99%. Vamos seguir repudiando a proposta de 5%”, frisou.


Nesta sexta-feira (12), a passagem em sala será na Justiça Federal.

Informe

A Assembleia Geral da categoria será nesta sexta-feira (13), às 15h30, pelo Zoom. O link de acesso será enviado momentos antes da Assembleia Geral pelo whats app.

Para receber o link envie uma mensagem para o nosso número: 86 9974-1637.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




Rua Magalhães Filho 573, Centro Sul - Teresina - PI
CEP 64001-350 Fones/Fax (86) 3221 1645 / 3221 0273